[ View Guestbook ] [ Sign Guestbook ]

quinta-feira, 6 de julho de 2006

"O Nariz", de Chostakovitch, em São Carlos



Estreou no passado dia 3 de Julho a ópera "O Nariz", de Dimitri Chostakovitch, que encerra a temporada do Teatro Nacional de São Carlos.

Composta por um jovem Chostakovitch de apenas 20 anos, a partir do conto homónimo de Gogol, trata-se de uma obra mordaz, cheia de energia e vitalidade, que se presta facilmente a encenações espectaculares.
Neste caso, João Lourenço reuniu um elenco maioritariamente nacional para dar vida às muitas dezenas de personagens que atravessam o dia aziago do Major Kovaliev, que acorda sem nariz. No outro lado da trama, há um barbeiro que descobre um nariz dentro do pão do pequeno almoço! Esse sou eu... Mas não só, como terão oportunidade de ver se forem ao São Carlos...

Até já!

4 Comments:

At 4 de julho de 2006 às 11:46, Blogger Salto Angel said...

Ontem passei pela Biblioteca Almeida Garrett (Palácio de Cristal - Porto) e folheei uma revista cultural (desculpem, mas não fixei o nome) que fazia referência à esta Peça. O que me decepcionou foi uma imagem: o fulano d' «O Nariz» tem um lenço a ocultar o nariz!!?? É claro que os orçamentos para a Cultura são reduzidos, ou mesmo nulos, na sua maioria, e nem sempre se encontram pessoas/empresários inteligentes que queiram patrocinar ou ser mecenas, mas poderia haver outro método para dissimular melhor, quiçá com o auxílio de uma máscara - do tipo utilizado pelos «Cabeçudos», si bem que não tão exagerada no tamanho (que se conseguem com jornais, cola e pinturas!!) - que primasse pela ausência de nariz. Afinal, se a Peça é para rir, que além dos diálogos e das prestações dos actores haja situações externas para esse fim. Espero que em Portugal não esteja a ser utilizada esta técnica. Infelizmente não vou poder ver, para tirar as minhas conclusões.

 
At 5 de agosto de 2006 às 11:28, Blogger delicatenose said...

então buono apetito!!!!

 
At 5 de agosto de 2006 às 13:05, Blogger Salto Angel said...

Na noite de ontem (madrugada de hoje) o «Música no Ar - Anos 50/60» foi reposto na RTP1. Confesso que vi por acaso, pois desconhecia que o mesmo iria para o ar. Apanhei o final dos anos 50, com o tema «Tonight», interpretado por este Mário, em dueto. Seguiu-se, pelo mesmo, um fado castiço à maneira, uma reencarnação do Eduardo Nascimento e o seu «O Vento Mudou» (será que estava a ouvir bem? «Ouçam» em vez do «oiçam» original???) assim como um dos membros dos Beatles.

Pelo que vi no sítio da RTP1, para a semana não haverá continuação deste programa... quando será o próximo «buraco» na grelha?...

Tirando as músicas, os anúncios televisivos da época («Pasta Medicinal Couto» e «Olex» LOL!!) e um ou outro diálogo, o argumento é de veras insípido, também graças a apresentadores «armando-se» em actores (alguns como apresentadores já são uma lástima...). Foi por ter vistos, nos anúncios, skets bacocos que não tive a mínima curiosidade de ver este programa, quando foi lançado. Se souber, de antemão, quando irão ser repostos os restantes programas, garanto-te que os irei ver ;-)

Abraço.

 
At 11 de agosto de 2006 às 13:33, Blogger Salto Angel said...

Para quem ainda não viu (ou quer rever) o programa «MÚSICA NO AR», com a participação do Mário redondo, tenho a dizer que os anos 60-70 deste programa, em compacto, será transmitido na próxima Sexta-feira, 18 de Agosto, pelas 00h45. Para mais informações consultar o sítio da RTP (www.rtp.pt).

 

Enviar um comentário

<< Home

[ View Guestbook ] [ Sign Guestbook ]